Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Festividades de Natal na Serra terminam sem ocorrências relevantes

Foram 81 dias de evento e 2,3 milhões de visitantes

Publicação:

- Foto: Sd Jackson Cardoso CRPO-SERRA
Por Ascom/BM

As forças da Segurança Pública do Estado garantiram a tranquilidade nos 81 dias do Natal Luz, que contou com mais de 500 atrações durante a sua 34º edição.  Nenhuma ocorrência relevante foi registrada durante com os mais de 2 milhões de visitantes, um motivo extra para que turistas e visitantes queiram retornar à Serra Gaúcha nas próximas edições.

No último final de semana foram encerrados oficialmente os Eventos de Natal da Região das Hortênsias, o Natal Luz de Gramado e o Sonho de Natal de Canela. A Brigada Militar, através do 1° Batalhão de Policiamento em Áreas Turísticas (1º BPAT), comemora os bons resultados alcançados durante os eventos, onde não houve ocorrências graves, fruto de um planejamento detalhado com ações operacionais articuladas, não apenas no município como em toda a região. Desde o final do mês de outubro de 2019 as atenções foram voltadas para a segurança e a tranquilidade do público que prestigiou as atrações, mas sem descuidar das comunidades locais.

Para atingir esse objetivo o 1º BPAT contou com seu efetivo orgânico, o Pelotão de Operações Especiais (POE) e o reforço de efetivo do Comando Regional de Polícia Ostensiva Serra (CRPO Serra), do Comando de Policiamento da Capital (CPC), Comando de Policiamento Metropolitano (CPM) e de Pelotas, durante todo o período.

O Major André Lima da Silva, subcomandante do 1º Batalhão Turístico, enfatizou a importância do trabalho desenvolvido pela Brigada Militar nos eventos de final de ano nesta região turística do Estado, que mais uma vez recebeu um grande número de visitantes nos eventos locais. “Segurança e turismo caminham juntos, assim, além de todos atrativos deste que é um dos principais eventos de Natal do país, realizamos um planejamento com ações preventivas para que fosse um grande evento, com tranquilidade e a preservação da ordem pública, para desta forma manter os índices de criminalidade sob controle e proporcionar a sensação de segurança para a comunidade e para aqueles que por aqui passaram. E na avaliação do comando do Batalhão Turístico o objetivo foi alcançado”.

Secretaria da Segurança Pública