Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Livro comemorativo celebra cinquentenário do 8º BPM no Litoral Norte

Publicação:

Jornalista Jussara Pelissoli entrega primeiro exemplar de livro sobre a história de 50 anos do 8º BPM, do qual é autora, ao comandante do 8º BPM, major Paulo Eduardo Dutra dos Santos.
Jornalista Jussara Pelissoli, autora, entregou primeiro exemplar ao comandante do 8º BPM, major Paulo Eduardo Dutra dos Santos - Foto: Sd Alex/8º BPM

A história dos 50 anos de criação do 8º Batalhão de Polícia Militar (8ºBPM), sediado em Osório, está agora eternizada em livro. A obra “8º BPM 50 anos – Meio século de segurança pública e integração comunitária” começou a ser distribuída esta semana, em alusão ao cinquentenário da unidade, que transcorreu no dia 13 de maio.

A jornalista Jussara Pelissoli, servidora civil da Brigada Militar, é autora do livro, que mescla a pesquisa feita em documentos com a memória oral de muitos integrantes do Batalhão, onde está a origem da Operação Golfinho, a maior movimentação tático-operacional da BM. Fotografias de fatos ao longo de cinco décadas ilustram a publicação.

Jornalista Jussara Pelissoli sentada diante de uma mesa onde estão pilhas de exemplares de livro sobre os 50 anos do 8º BPM, do qual ela é autora. Ao fundo, banner com a capa do livro.
Trabalho da jornalista mescla a pesquisa feita em documentos com a memória oral de muitos integrantes do 8º BPM - Foto: Sd Éderson Silva/CRPO Litoral

“O livro é uma narrativa jornalística do trabalho realizado durante um ano e meio, a partir de pesquisas documentais; entrevistas com oficiais e praças que trabalharam no 8º BPM; depoimentos dos ex-comandantes e de civis; e seleção de fotografias”, explica a autora e assessora de imprensa do Comando Regional de Polícia Ostensiva do Litoral (CRPO Litoral).

São 21 capítulos, em quase 300 páginas, que retratam a origem do Batalhão, a primeira turma de recrutas, a construção de sua sede, a evolução do patrimônio físico, a Operação Golfinho, o desenrolar dos policiamentos montado e ambiental, a chegada das policiais femininas, a constituição do Canil, projetos sociais e a vida do patrono da unidade. Ainda podem ser lidos os depoimentos textuais de todos os ex-comandantes e histórias de casernas, que destacam fatos relevantes e pitorescos de policiais militares, de uma servidora civil e da filha de um militar.

Segundo a autora, o livro reúne fragmentos da história do 8º BPM espalhados em diversos documentos e legislações e também na memória dos entrevistados, e essas ficariam perdidas no tempo se não fossem registradas em uma publicação.

Texto: Ascom 8º BPM
Edição: Carlos Ismael Moreira/SSP

Secretaria da Segurança Pública